Notícias FENTECT

home » Notícias FENTECT
14 de Março de 2020 às 20:30

Quem mandou matar Marielle Franco?

Hoje completa dois anos do assassinato de Marielle Franco e Anderson Martins. Defensora dos direitos humanos, das mulheres, dos negros e de todas as minorias, ela cumpria o primeiro mandato como vereadora do Rio de Janeiro, sendo a quinta mais votada da cidade, com 46 mil votos. Marielle e Anderson foram vítimas da trama perigosa que envolve a milícia e uma rede de corrupção que vem se ampliando pelo Brasil. Uma morte cruel, torpe, que interrompeu um sonho de construir um país mais justo, de mais igualdade de gênero, de menos preconceito.

Ela que era mãe solteira, lésbica e criada no Complexo da Maré (RJ), antes de morrer foi relatora de comissão na Câmara dos Vereadores que fiscaliza a atuação da intervenção federal nas favelas. Em vários momentos, denunciou violências policiais. Marielle foi símbolo de luta em defesa das mulheres, de direitos LGBTs e contra a exploração e violência dentro das favelas cariocas, contra o povo pobre, negro e trabalhador. Marielle pagou com a vida por não se calar, por dar voz aos anseios e preocupações de milhares de pessoas.

Passados dois anos, assim como outros episódios inexplicáveis na política brasileira como a morte de Adriano Nóbrega, ainda não sabemos o mandante e nem a motivação para o crime. Sabemos apenas de envolvidos que moram no mesmo condomínio de Jair Bolsonaro no Rio de Janeiro. O poder público continua com as investigações para solucionar o caso, porém poucas respostas foram encontradas e não há condenados pelo assassinato. Só incertezas que estimulam ainda mais a impunidade e a crescente violência.

Marielle, que além de política, era socióloga formada pela PUC-RIO e mestre em Administração Pública pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Ela deixou uma filha, uma mãe, uma esposa, mas também um legado. Hoje, é semente e inspiração para tantas outras mulheres, que como nós, luta por dias melhores, por direitos iguais, por um Brasil sem violência. Marielle vive!

Amanda Corcino
Secretária de Mulheres da Fentect


Outras Notícias

Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas dos Correios e Similares - FENTECT

SDS, Ed. Venâncio V, Bloco R, loja 60 - Brasília/DF - CEP:70393-900 - Fone/Fax:(61) 3323-8810 - fentect@fentect.org.br